terça-feira, 21 de julho de 2015

Desejo...

… que o universo me dê:
serenidade para aceitar o que não posso mudar;
coragem para mudar o que está ao meu alcance (e não só);
sabedoria para distinguir a diferença entre os dois.

Teremos, aos 40, idade em que cortamos ou aceitamos o nosso destino, conseguido atingir este patamar? Que destino? O que construimos ou que iremos construir? Serenidade, coragem, sabedoria. Para um futuro seja ele cósmico ou cómico.

Sem comentários:

Enviar um comentário