sexta-feira, 30 de setembro de 2016

Pessoas espelho

Convivemos diariamente com pessoas nas quais revemos inconscientemente aquilo que nos desagrada. Seja porque invejamos determinada característica, seja porque espelham aquelas que aspiramos a não ter.
Estou a aprender a não me revoltar com essas pessoas, porque há quem tenha boa índole e aja inconsciente de algumas características próprias. Embora, também, já tenha convivido com pessoas cuja índole deixa um pouco a desejar.

Cada vez mais, quando alguém me incomoda, tento afastar-me um pouco e perceber o que é que na pessoa, ou até na situação, em concreto me incomoda. E, infelizmente, na maioria das vez, o incómodo está em mim. Porque ou invejo ou tento negar alguma das minhas características. 
Não é um processo fácil, o de tomarmos consciência do que consideramos defeitos ou imprecisões. Mas é um processo necessário, se, em último caso, desejarmos melhorar, seja por nós, sobretudo por nós, seja por quem nos rodeia. Porque todos merecemos ser a nossa melhor versão possível.  

1 comentário:

  1. Prefiro mil vezes as pessoas espelhos às pessoas tóxicas... :) As primeiras ajudam a caminhar, as segundas impedem de caminhar.

    ResponderEliminar