sábado, 25 de março de 2017

O Primeiro Marido, Laura Dave

Ocasionalmente, sinto necessidade de balancear leituras mais exigentes com outras mais acessíveis, embora, no final, sinta que essa leitura não me acrescentou nada. O que não quer dizer que este tipo de livros não tenham o seu papel e a sua importância, quer no mercado, quer junto do publico. Por vezes, só necessitamos mesmo de pequeno escape e de um pouco de entretenimento.
Dos inúmeros livros disponíveis na biblioteca, e com o volume igualmente agradável, a minha escolha recaiu sobre este Primeiro Marido. Acabei por me surpreender com a escrita acessível e bem humorada, a estruturação da narrativa devidamente intercalada com momentos de reflexão (embora não inovadores), que se adequam e evoluem de acordo com a mesma, as personagens que agem e não são descritas minuciosamente, como meras imagens. Ou seja, este é um livro by the book de acordo com qualquer lição de escrita ficcional da escola americana, o que não é desmérito, se há coisa que os americanos fazem bem é contar uma história, embora , por vezes, pequem na incapacidade de lhe dar níveis de profundidade.
Quanto à história propriamente dita, uma jornalista de viagens é surpreendida com a “notificação” de separação por parte do seu namorado de longa data. No processo de recuperação, conhece um jovem chefe, com quem casa inesperadamente no curto prazo de 3 meses. O casamento leva-a para uma pequena vila, mas, simultaneamente, recebe um convite profissional de sonho, que implica a sua mudança para Londres. Claro está que no final a personagem tem de tomar decisões, perceber quais as suas prioridades e o amor vence sempre.

Título Original: The Firt Husband | Tradução: Duarte Sousa Tavares | Editora: Topseller | Local: Amadora | Edição/Ano: 1ª, Abril 2014 (3000 ex.) | Impressão: Publito | Págs.: 255 | Capa: Ideias com Peso | ISBN: 978-989-8626-36-3 | DL: 373671/14 | Localização: BLX PF  ROM  ROM-EST  DAV (80351933)

Sem comentários:

Enviar um comentário